Vale e siderúrgicas vão ser as estrelas do terceiro trimestre, diz BTG

13 de outubro de 2020
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

O trimestre tem sido quase perfeito para o minério de ferro. O real fraco ante o dólar, os volumes crescentes da produção e a recuperação dos preços levaram os analistas a rasgarem elogios ao setor.

Com o título “é hora do aço”, o BTG acredita que esse é um dos melhores momentos da commoditie nos últimos anos, revela relatório enviado a clientes.

“Inegavelmente, os principais vencedores no semestre foram os aços e a Vale (VALE3), com um crescimento significativo da linha superior superando até mesmo as expectativas mais otimistas”, afirmam Leonardo Corea e Caio Greiner.

A demanda foi puxada pelo mercado aquecido dos materiais de construção. A Duratex (DTEX3), por exemplo, pode ter um Ebitda (geração de caixa) recorde nos próximos trimestres.

“Embora a força da demanda atual seja indiscutivelmente insustentável, esperamos um crescimento contínuo na demanda de materiais de construção em 2021”, afirma a dupla.

Ainda segundo eles, Vale e CSN (CSNA3) foram amplamente estimulados pelas tendências dos preços de minério de ferro incrivelmente altos, o que pode levar os rendimentos de fluxo de caixa livre a dois dígitos

“Dado o fato de que os volumes da Vale levarão alguns anos para se normalizar, nós esperamos que a resistência do minério de ferro (acima de US$ 100 por tonelada) persistirá por um tempo”, argumentam.

Forte geração de caixa

Os analistas do Credit Suisse também estão otimistas com a CSN. Na última quarta-feira (30), o banco elevou o preço-alvo da siderúrgica de R$ 11,50 para R$ 19, além de promover a recomendação de neutra para outperform (desempenho esperado acima da média do mercado).

Caio Ribeiro e Gabriel Galvão, que assinam o relatório obtido pelo Money Times, basearam a revisão em três fatores. O primeiro é a melhora das expectativas para o mercado de minério de ferro. O banco suíço acredita que a cotação do insumo permanecerá acima dos US$ 100 por tonelada no ano que vem.

O segundo é a recuperação mais rápida que a prevista da demanda interna por aço. Inicialmente, o Credit Suisse previa uma queda de 12% nas vendas domésticas, pressionadas pela recessão decorrente da pandemia de coronavírus. Agora, os analistas calculam uma retração bem menor – de 4% – neste ano.

O terceiro ponto é o reajuste de preços anunciado pela CSN, e que deve ser implementado até outubro.

 

FONTE:
MONEY TIMES

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

A Cipa Fiera Milano é especializada em feiras de negócios e publicações técnicas e tem como objetivo, aproximar organizações e criar oportunidades de relacionamentos, por meio da realização de grandes feiras e publicação de revistas setorizadas na América Latina.

Receba Nossa Newsletter

Seu nome completo

Seu e-mail

 Sim, eu quero receber comunicações do Grupo Cipa Fiera Milano
 Sim, eu quero receber comunicações dos parceiros do Grupo Cipa Fiera Milano
 Sim, eu concordo com os termos de uso e com a Política de Privacidade do Grupo Cipa Fiera Milano

Fale Conosco

Avenida Angélica, 2491 - 20 andar - Cj. 204

Telefone:
+55 11 5585.4355
+55 11 3159-1010

E-mail: info@fieramilano.com.br

Website: www.cipafieramilano.com.br

Copyright by Tubotech 2021. All Rights Reserved.