Único setor em alta no PIB do 1º trimestre, agronegócio precisa resistir a impacto da queda na indústria

Único setor em alta no PIB do 1º trimestre, agronegócio precisa resistir a impacto da queda na indústria

O agronegócio foi o único setor a registrar alta no Produto Interno Bruto (PIB) brasileiro no 1º trimestre, na comparação com os 3 últimos meses de 2019, segundo divulgou nesta sexta-feira (29) o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

O crescimento foi leve, de 0,6%, impulsionado pela safra da soja que tem, inclusive, perspectiva de recorde para esse ano. Os demais grandes setores da economia, indústria e serviços, sucumbiram aos primeiros efeitos da pandemia do coronavírus, que os obrigou a fechar as portas diante das medidas de isolamento implementadas em meados de março.

Considerado essencial para evitar o desabastecimento de alimentos no país durante a pandemia, o setor agrícola não chegou a parar.

E a alta foi puxada justamente a atividade agropecuária básica, não a agroindústria. Com a safra plantada e boas condições climáticas, o resultado veio mesmo com a contração de renda do brasileiro. O dólar alto em relação ao real também ajudou.

Variação do PIB por setores da economia — Foto: Rodrigo Sanches/G1

Variação do PIB por setores da economia — Foto: Rodrigo Sanches/G1

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>