Empresas criam soluções para sistemas de combate a incêndio

Fabricantes de tubos, válvulas e conexões apostam no mercado

Episódios de incêndios têm se repetido nas manchetes do mundo inteiro nos últimos meses. Desde as chamas que destruíram o Museu Nacional do Rio de Janeiro e a Catedral de Notre-Dame em Paris até a tragédia no centro de treinamento do Flamengo e as recentes queimadas na Amazônia.

Diante disso, diversas empresas têm buscado soluções para atualizar – e melhorar – sistemas de prevenção e combate a incêndios. No setor de tubos, válvulas, bombas, conexões e componentes – materiais essenciais para a fabricação de mangueiras, extintores, hidrantes e sprinklers-, as inovações são várias.

A empresa brasileira Remadi, que atua com conexões galvanizadas e metais hidráulicos, tem apostado no chamado “sistema grooved”, também conhecido como “sistema ranhurado”.

“Tratam-se de conexões e acoplamentos com ranhuras que substituem a utilização das roscas em tubos e conexões”, explicou David Campos, gerente comercial da companhia.

“Antigamente, tanto a rosca como a solda eram, principalmente, os mais utilizados em sistemas de combate a incêndios e em tubulações. Esse novo sistema grooved é a união de tubos e conexões através de acoplamentos”, disse à ANSA.

De acordo com Campos, o modelo, hoje utilizado no combate a incêndio, futuramente poderá ser uma alternativa para os outros segmentos, como petróleo e água potável, que exigem a rosca ou a solda.

Já a IPC Brasil, com sedes em São Paulo, Santa Catarina e Rio Grande do Sul, vai lançar a GIPP Fire Protection, uma linha de conexões em ferro maleável para combate a incêndio.
“Temos válvulas de esfera, de controle de fluídos, de controle de temperatura e pressão, além de registros de gaveta em bronze e latão”, contou o CEO da empresa, Flávio Paiva.
“Esse conjunto de produtos compõe a Linha Fire Protection, destinado a clientes que atuam no combate e prevenção contra incêndio”, acrescentou.

O lançamento deve ocorrer durante a Feira Internacional de Tubos, Válvulas, Bombas, Conexões e Componentes (Tubotech), programada para acontecer entre 1 e 3 de outubro, em São Paulo.

O evento, que chega à sua 10 edição, é realizado pela Associação Brasileira da Indústria de Tubos e Acessórios de Metal (Abitam) e organizado e promovido pela Cipa Fiera Milano.

 

Fonte:

Terra

UOL

ANSA BRASIL

ISTOÉ

BOL